MOVIMENTO SACERDOTAL MARIANO – M.S.M.

(Mensagens de NOSSA SENHORA ao Pe. Stefano Gobbi, na Itália)

Parte 11

 

Mais uma vez, através deste texto, levamos aos irmãos em Cristo, as santas palavras de nossa MÃE Celeste, que procuram nos alertar e conscientizar para estes momentos de purificação da humanidade, na expectativa do Retorno Glorioso do SENHOR, que já está às portas.

 

O VOSSO EQUILÍBRIO INTERIOR.

“Sou a MÃE do VERBO Encarnado.
Com o Meu “Sim”, ofereci ao Pai a Minha colaboração pessoal para o Seu Desígnio de Salvação.
Do Seio PATERNO, o VERBO Se depos no Meu Seio MATERNO, para assumir de Mim a Sua natureza humana. Assim, tornei-me verdadeira MÃE de JESUS.
O “Sim” à Vontade do PAI floresceu na Minha ALMA como fruto de uma longa e silenciosa preparação.
Eis o caminho que a vossa MÃE percorreu para chegar a este inefável momento: o caminho da humildade, da confiança, do abandono filial, do silêncio, da íntima e profunda união com Deus.
Desde a infância Me ofereci completamente ao SENHOR, pondo-Me como escrava ao Seu Serviço, na virgindade perfeita, no escondimento, na oração.
A Minha ALMA abriu-se a uma LUZ cada vez maior e a Minha existência formou-se no desapego de todas as criaturas, para amar de maneira perfeita o Senhor, cumprindo a SUA Vontade e escutando a SUA Palavra. Formei-me no gosto de procurar, de acolher e de guardar só a Palavra de DEUS.
Quando o PAI decidiu depor o Seu Verbo no Meu Seio Virginal, encontrou a vossa MÃE pronta para O acolher com amor e com alegria, na única intenção de cumprir perfeitamente a Vontade Divina.
Meus filhos prediletos, olhai para a vossa MÃE no momento da Sua Anunciação, enquanto repete, com o Coração e com os Lábios, o Seu “sim” à vontade do SENHOR.
Aprendei também vós a dizer “sim” a tudo aquilo que o SENHOR hoje vos pede através da voz que vos chega do Coração Imaculado da vossa MÃE Celeste. Nunca mais duvideis. Não procureis apoios noutro lugar. Não mendigueis confirmações ou encorajamentos.
Dispus que, para esta Minha Obra, o vosso apoio só se encontrasse no Meu Coração Imaculado. Faço ruir à vossa volta todo o apoio e não consinto que vos confieis a encorajamentos ou a aprovações meramente humanas.
Meus filhinhos, desejo também de vós a pequenez, a humildade, o escondimento, o silêncio, a confiança.
Deveis percorrer o mesmo caminho que a vossa MÃE Celeste percorreu: o da Minha íntima união com DEUS, do desapego de toda a criatura, do serviço perfeito ao SENHOR.
Eu vos levo a dizer sempre “sim” a tudo o que JESUS vos pede. Como são poucos os que sabem dizer “sim” a JESUS, mesmo entre os Meus prediletos!
Percorrei Comigo o caminho que vos indico e pelo qual vos conduzo, deixando-vos guiar com docilidade e abandono filial. Formo-vos na escuta da Palavra de DEUS, para que ela possa ser por vós acolhida e compreendida, amada, guardada e posta em prática.
Neste tempos de Purificação, muitos são desviados por outras palavras. De fato, o Meu adversário consegue seduzir até os bons com falsas manifestações sobrenaturais, para espalhar por toda a parte o engano e a confusão. Conseguirá realizar muitos prodígios que enganarão até as almas dos bons. 
Vós permanecei no refúgio do Meu Coração Imaculado e ouvi aí a Palavra de DEUS que a Igreja guarda, interpreta e anuncia. O Papa tem hoje, mais do que nunca, a luz para vos conduzir pelo caminho da clareza e da verdade.
No Meu Coração Imaculado construirei o vosso equilíbrio interior, Meus filhos prediletos, porque hoje é preciso que sejais cada vez mais prudentes e equilibrados.
Este equilíbrio dará a todos o sinal da ação que a vossa MÃE Celeste realiza em vós e dará à Igreja a certeza de encontrar em vós filhos fiéis e sábios.”

(25 de março de 1979 – Festa da Anunciação do SENHOR)

 

 

A MULHER VESTIDA DE SOL.

“Vim do céu para vos revelar o Meu desígnio nesta luta que envolve a todos, alinhados para o combate às ordens de dois comandantes opostos: a Mulher vestida de sol e o dragão vermelho.
Indiquei-vos o caminho a percorrer: é o caminho da oração e da penitência. Convidei-vos à conversão interior da vossa vida.
Preparei-vos também um refúgio para serdes recolhidos, para serdes protegidos e fortalecidos durante a presente tempestade que se tornará ainda maior. O refúgio é o Meu Coração Imaculado.
Agora anuncio-vos que este é o tempo da batalha decisiva. Nestes anos, Eu mesma intervenho, como a Mulher vestida de sol, para levar ao cumprimento o Triunfo do Meu Imaculado Coração, que já comecei por meio de vós, Meus filhos prediletos.
Ser-vos-ão pedidos sofrimentos, mas no Meu Coração Imaculado, sereis chamados a saborear também as íntimas alegrias do Meu amor materno.
As trevas adensar-se-ão, mas se tornará ainda mais forte o raio de luz que parte do Meu Coração para vos indicar o caminho. O pecado cobrirá todas as coisas, mas sereis ajudados por Mim a revestir-vos da Graça Divina, que deverá resplandecer cada vez mais em vós, para dardes a todos um testemunho de santidade.
Escutai com docilidade e humildade a Minha voz. Deixai-vos guiar a cada momento por Mim.
Este desígnio, que estou cumprindo há anos no silêncio e no escondimento, em breve se revelará em todo o seu esplendor. Então aparecerá perante toda a Igreja a grande obra-prima do amor do Coração Divino e Misericordioso do Meu FILHO JESUS.”
(13 de maio de 1979 – Aniversário da 1ª aparição em Fátima.)

 

JESUS NA EUCARISTIA.

“Meus filhos prediletos, continuai a percorrer com confiança o caminho pelo qual vos conduz a MÃE celeste. O Meu Desígnio está para se cumprir, através de vós, que respondestes ao Meu convite Materno.
Correspondei à Minha ação, que tende a transformar-vos interiormente, para vos tornar todos Sacerdotes, segundo o Coração Eucarístico de JESUS. O Triunfo do Meu Coração Imaculado não se pode realizar senão no Triunfo do Meu FILHO JESUS, que voltará a reinar nos corações, nas almas, na vida dos indivíduos e das nações: em toda a humanidade.
Mas JESUS, tal como está no Céu, assim se encontra também na Terra, presente realmente na Eucaristia com o SEU Corpo, o SEU Sangue, a SUA Alma e a SUA Divindade.
O SEU Reino Glorioso resplandecerá sobretudo no SEU Triunfo Eucarístico porque a Eucaristia voltará a ser o coração e o centro de toda a vida da Igreja.
JESUS na Eucaristia tornar-se-á o vértice de toda a vossa oração, que deve ser oração de Adoração, de ação de graças, de louvor e de intercessão.
JESUS na Eucaristia voltará a ser o centro de toda a ação litúrgica, que se desenvolverá como um hino à SANTÍSSIMA TRINDADE, através da perene função sacerdotal de CRISTO que se realiza no Mistério Eucarístico.
JESUS na Eucaristia voltará a ser o centro das vossas reuniões eclesiais, porque a Igreja é o SEU Templo, a SUA Casa, construída sobretudo para que a SUA Divina presença possa refulgir no meio de vós.
Filhos prediletos, infelizmente, nestes tempos, as trevas obscureceram também o Sacrário: há tanto vazio, tanta indiferença, tanta negligência ao Seu redor. Todos os dias aumentam as dúvidas, as negações e os sacrilégios. O Coração Eucarístico de JESUS é novamente ferido pelos seus, na SUA Casa, no próprio lugar onde pos a SUA Divina Morada entre vós.
Voltai a ser os adoradores perfeitos, os ministros fervorosos de JESUS Eucarístico, que por meio de vós ainda se torna presente, SE imola e SE dá às almas.
Levai todos a JESUS na Eucaristia, à Adoração, à Comunhão, a um maior amor.
Ajudai todos a aproximarem-se de JESUS Eucarístico de maneira digna, cultivando nos fiéis a consciência do pecado, convidando-os a apresentarem-se à Comunhão Sacramental em estado de graça, educando-os para a confissão frequente, que se torna necessária para quem se encontra em pecado mortal para receber a Eucaristia.
Filhos prediletos, ponde barreiras ao alastrar-se dos sacrilégios. Nunca como nestes tempos se fazem tantas comunhões, e de maneira tão indigna.
A Igreja é intimamente ferida pela divisão das Comunhões sacrílegas. Chegou o tempo em que a vossa MÃE vos diz: basta!
EU mesma preencherei o grande vazio ao redor do Meu FILHO JESUS, presente na Eucaristia. Formarei uma barreira de amor ao redor da SUA Divina Presença, EU mesma, através de vós, filhos prediletos, que vos quero colocar como guardas de amor, em torno de todos os sacrários da Terra.”    

 (14 de junho de 1979 – Festa de Corpus Christi.)

 

 

Centro de Distribuição do Livro:

Brasil: Fone: (011) 3847-4703 / 3847-4709
Fax: (011) 3847-4780 com Otávio Piva de Albuquerque

Portugal:   +351 (068) 61-1303 c/Pe. Giovanne del Ponte